• Home
  • Blog
  • Quem tem direito ao Green Card por parentesco e quanto tempo demora? 

Quem tem direito ao Green Card por parentesco e quanto tempo demora? 

Quem tem direito ao Green Card por parentesco e quanto tempo demora? 

Quem tem direito ao Green Card por parentesco e quanto tempo demora? 

Conseguir o Green Card é o sonho de muitas pessoas e para algumas a realização é um pouco mais acessível pelo fato de ter algum parentesco com um portador do documento ou com um cidadão americano. Esse é o seu caso? Será que você tem direito? 

Acontece que não são todos os parentes que podem conseguir um Green Card por parentesco. Além disso, o tempo para ter o documento varia muito em cada situação, podendo ser de alguns meses até mais de 10 anos de espera. 

Então, neste texto eu explicarei todos os detalhes de como funciona, quem tem direito e quanto tempo é preciso esperar para ter um Green Card por parentesco. Acompanhe! 

Quem tem direito ao Green Card por parentesco? 

Todos os cidadãos americanos e os residentes permanentes (portadores de Green Card) podem solicitar o documento para estrangeiros de sua família, em determinadas condições. 

Cidadão americanos com mais de 21 anos podem pedir Green Card para: 

  • Pai e mãe;
  • Cônjuge; 
  • Filhos e filhas solteiros ou casados com qualquer idade; 
  • Filhos do cônjuge; 
  • Irmãos e irmãs. 

Residentes permanentes com mais de 21 anos podem solicitar Green Card para: 

  • Cônjuge
  • Filhos e filhas solteiros de qualquer idade 

Portanto, há mais possibilidades para os cidadãos americanos. Entretanto, todo portador do Green Card que viver por 5 anos ou mais nos Estados Unidos pode solicitar a cidadania, e assim conseguir pedir o GC para os pais e irmãos, por exemplo. 

E no caso de Green Card por casamento, se a união acontecer com um cidadão americano, esse estrangeiro pode solicitar a cidadania após 3 anos de casados. 

Requisitos para solicitar um Green Card por parentesco 

Identificado o direito ao Green Card baseado em família, o requerimento é feito pelo residente permanente ou pelo cidadão americano e, para isso, ele deve comprovar determinadas condições financeiras. Ou seja, o requerente é o sponsor do estrangeiro

Essa condição é exigida porque o governo americano quer se proteger de ter que conceder benefícios governamentais em caso de dificuldade financeira do estrangeiro. 

Fora isso, é preciso comprovar a relação de parentesco por meio de documentos especificados pelo USCIS (imigração americana). 

Quanto tempo demora para sair o Green Card por parentesco? 

Ao contrário do que muita gente pensa, os pedidos de Green Card por parentesco não são tão rápidos. O tempo de processamento varia para cada situação e essas informações você encontra em um documento chamado Visa Bulletin

Embora certos parentes tenham direito ao documento, a imigração americana regula a concessão dos Green Cards disponibilizando e aprovando apenas uma determinada quantidade anualmente. 

Só não há restrição para o Green Card de parentes imediatos de cidadãos americanos. Se enquadram nessa classificação o pai, a mãe, o cônjuge e os filhos solteiros menores de 21 anos. Para todos esses, é possível solicitar o Green Card a qualquer momento e o tempo de processamento varia de 12 a 18 meses. 

Para os outros casos, é preciso observar sempre o Visa Bulletin, que informa a quantidade de vistos disponíveis para cada categoria de Green Card por parentesco e também o tempo estimado que está demorando para ter os pedidos analisados. 

Ele é atualizado mensalmente, mas podemos estimar o tempo para ter um Green Card por parentes, com base em informações de Novembro de 2020: 

  • Parentes imediatos de cidadão americanos (incluem-se aqui o cônjuge, os filhos solteiros com menos de 21 anos e pai e mãe): 12 a 18 meses;
  • Filhos e filhas solteiros com mais de 21 anos de cidadãos americanos: de 5 a 7 anos; 
  • Cônjuge e filhos solteiros com menos de 21 anos de residentes permanentes: de 1 ano a 2 anos;
  • Filhos e filhas solteiros com mais de 21 anos de residentes permanentes: de 4 a 6 anos;
  • Filhos e filhas casados de cidadãos americanos: de 10 a 12 anos; 
  • Irmãos e irmãs de residente permanente: de 12 a 14 anos. 

O que determina o tempo de espera é a relação entre o número de vistos que são disponibilizados pelo serviço de imigração e a quantidade de solicitações.

Mas como saber esse tempo no Visa Bulletin? 

Ao abrir o link do documento e escolher o mês, você verá diversas explicações e uma tabela como esta: 

Ela está dividida em categorias que significam: 

  • First – F1: filhos e filhas solteiros com mais de 21 anos de cidadãos americanos; 
  • Second – F2A: cônjuge e filhos solteiros com menos de 21 anos de residentes permanentes;
  • Second – F2B: filhos e filhas solteiros com mais de 21 anos de residentes permanentes; 
  • Third – F3: filhos e filhas casados de cidadãos americanos;
  • Fourth – F4: irmãos e irmãs de residente permanente. 

Sabendo disso, você pode verificar na segunda coluna quais os processos estão em análise e, a partir disso, estimar o tempo que você terá que esperar. 

Quando na segunda coluna existir um C (como no caso do F2A, neste caso), significa Current, ou seja, não existe uma “fila”. Então, ao enviar seu pedido, será processado conforme o Processing Time, que é outra ferramenta de consulta. 

Esses “First”, “Second”, “Third” e “Fourth” é a preferência de cada categoria. Ou seja, os EUA disponibilizam mais vistos para a primeira categoria, um pouco menos para a segunda e assim por diante. Além disso, quando atinge um determinado número na categoria “First”, pode ser “retirado” vistos da categoria “Second”.  

Mas, isso não significa que por estar na categoria “First”, será mais rápido, porque, assim como há maior disponibilidade de vistos, também há muito mais gente solicitando. 

Assim, podemos dizer que o Green Card por parentesco é dividido em: 

Se você fizer parte os parentes que tem “Preferência”, deverá sempre utilizar o Visa Bulletin. Caso seja um parente imediato, então, não precisará se preocupar com isso. 

Como solicitar o Green Card por parentesco? 

O pedido é feito com o formulário I-130 e uma série de documentos solicitados na página do USCIS. O estrangeiro pode estar nos EUA, ou não. Se ele estiver nos Estados Unidos, é enviado também o formulário I-485 de ajuste de status. Caso esteja no Brasil, a solicitação é enviada para o Consulado que processará o pedido. O estrangeiro precisará fazer uma entrevista presencial para finalizar. 

Expliquei com mais detalhes neste texto e convido você para verificar: Imigração baseada em parentesco americano: como isso funciona? 

É possível perder o Green Card ou a cidadania americana? 

Algo que precisa ficar claro ao realizar a solicitação do Green Card é que trata-se de um documento para quem deseja MORAR nos Estados Unidos. Você não deve fazer o pedido se a sua intenção não for essa. 

O Green Card tem validade de 10 anos e você pode perder ou não conseguir a renovação caso se ausente dos Estados Unidos por períodos maiores que um ano, caso não pague seus impostos ou cometa algum crime grave. Existem regras para residentes permanentes e respeitá-las é fundamental para não ter problemas no futuro. 

Já a cidadania é um pouco mais difícil de “perder”, mas pode acontecer em casos de cometer crimes graves (como um homicídio, por exemplo) ou crimes contra o tesouro americano, além de você exercer um cargo público em outro país..

Ao ter cidadania americana, eu perco a brasileira? 

Não! Para perder a cidadania brasileira o Ministério da Justiça precisa decretar o ato por meio de um ofício. O Green Card por parentesco é uma possibilidade para quem tem alguém da família com cidadania ou residência permanente. Observe os requisitos e tenha em mente que o tempo de processamento pode levar alguns anos. Além disso, conhecer o Visa Bulletin é uma excelente forma de se informar sobre o processamento de vistos e definir se vale a pena ou não aguardar para conseguir o Green Card por parentesco.

Quer saber mais sobre este assunto e ver como realizar a solicitação? Então, veja este blogpost: Imigração baseada em parentesco americano: como isso funciona?