• Home
  • Blog
  • Conheça o Mardi Gras, o carnaval nos Estados Unidos

Conheça o Mardi Gras, o carnaval nos Estados Unidos

Conheça o Mardi Gras, o carnaval nos Estados Unidos

Conheça o Mardi Gras, o carnaval nos Estados Unidos

Quando se fala sobre atrações turísticas e divertidas nos Estados Unidos, a Disney logo vem à cabeça, não é mesmo? Afinal, conhecer os parques temáticos é o sonho de quem visita o país pela primeira vez ou volta sempre que tem uma oportunidade. Hoje, tenho outra sugestão para você: já ouviu falar no Mardi Gras? Trata-se do mais famoso carnaval nos EUA em Nova Orleans.

Isso mesmo, o clima carnavalesco não é exclusividade no Brasil, já que a folia também toma conta do estado da Louisiana em uma das comemorações mais badaladas na terra do Tio Sam. Então, se o seu sonho é imigrar para lá (ou turistar), vou contar um pouco mais sobre a festa em uma das cidades mais vibrantes da América. Acompanhe!

O que é e como surgiu o Mardi Gras?

Inspirada por influências multiculturais (especialmente a francesa) e conhecida como a capital do jazz, Nova Orleans está sempre cercada por boa música e comemorações animadas. Logo, se tem um momento que representa bem o clima festivo dessa cidade no sul dos EUA é o Mardi Gras.

Do francês, a expressão significa “terça gorda”, celebrada no mês de fevereiro, na terça-feira de carnaval, antes da quarta-feira de Cinzas. A tradição começou por volta de 1830, com o primeiro desfile pelas ruas da cidade. Quarenta e cinco anos depois, entrou para o calendário de feriados oficiais da Louisiana.

Ao longo do tempo, o carnaval de Nova Orleans agregou a participação de bandas, paradas e carros alegóricos pelo French Quarter, o bairro mais antigo da cidade. Desde então, atrai multidões do mundo inteiro e se tornou uma das festas mais populares do país.

Geralmente, todos usam fantasias, com as cores tradicionais da festa — roxo, verde e dourado — além de máscaras (confeccionadas por artesãos locais ou compradas em farmácias a baixo custo) e longos colares de miçangas coloridas. Aliás, os cordões são os enfeites mais populares da festa. Ainda, pessoas de todas as idades participam, inclusive crianças.

Quais as diferenças entre o Carnaval nos EUA e o Carnaval do Brasil?

Diferente do Brasil, o carnaval nos EUA não acontece em espaços fechados (como o sambódromo), nem tem festas em clubes. Posso dizer que a festa se aproxima um pouco do que vemos em Salvador, na Bahia, onde as pessoas se divertem nas ruas e acompanham as paradas com os bonecos gigantes, como em Olinda, Pernambuco.

No lugar dos trios elétricos, pequenas bandas com instrumentos de sopro se unem à multidão nas ruas. Os músicos tocam e dançam no meio de todo mundo, conduzindo um cortejo entre casais combinando roupas, grupos de amigos com fantasias temáticas, famílias e crianças com roupas criativas e bem-humoradas.

Aliás, as paradas são um dos principais atrativos da festividade. Além da French Quarter, elas percorrem outras ruas da cidade, com direito à música, coreografia e carros alegóricos.

A Zulu Parade é uma das mais famosas. Composta em sua maioria por integrantes afro-americanos, eles usam saias de grama e pintam o rosto. Durante o desfile, jogam cocos pintados à mão para quem acompanha. Dizem que os cocos trazem boa sorte para quem os pega.

Mardi Gras World

Enquanto as escolas de samba brasileiras se preparam ao longo do ano para os desfiles, o carnaval de Nova Orleans tem o Mardi Gras World. É um grande barracão onde as fantasias, os carros alegóricos, todos os adereços e os grandes bonecos são feitos. Ainda, é possível visitar o ano inteiro, sete dias por semana.

Então, isso significa que o carnaval de Nova Orleans pode ser vivenciado, inclusive, fora da época carnavalesca. Assim, mesmo que não tenha a festa, você pode acompanhar o trabalho dos artesãos, experimentar trajes típicos, conhecer mais da história de uma das manifestações culturais mais populares dos EUA e os costumes da cidade. Sem contar a oportunidade de poder provar o King Cake, um bolo tradicional com as cores da comemoração.

Além de curtir uma festa típica, já pensou em estudar nos Estados Unidos? Conheça as melhores universidades dos EUA!